A Equipa

Todas nós, que gerimos o Lusofonias - OP, vivemos em Edimburgo e todas temos crianças com idades compreendidas entre os 2 e os 9 anos.  O nosso envolvimento neste projeto surgiu, antes de mais, da necessidade: desde cedo notámos que apesar dos nossos esforços quer em casa, com conversas, leituras ou músicas em português, quer com as viagens aos países de origem, o inglês tomava de assalto o mundo linguístico das nossas crianças. E assim, lentamente, fomos procurando e encontrando outras famílias na mesma situação e juntos temos avançado com um objetivo comum:  que os nossos filhos tenham acesso a um pequeno ‘mundo’ lusófono aqui em Edimburgo, onde encontrem outras crianças e jovens que, como eles, vivem entre as duas (ou mais) línguas e culturas. Queremos, em última análise, que os nossos filhos, não só falem e compreendam português, mas que leiam e escrevam português.

O desenvolvimento e concretização deste projeto é o resultado de muitas conversas, listas de tarefas e de reuniões que se prolongam por horas tardias. Resulta também do trabalho e entusiasmo que outros colocaram nesta ideia, antes de se concretizar como Lusofonias-Oficinas de Português. Aqui deixamos o nosso reconhecido obrigada a todos aqueles que contribuiram para que o Lusofonias seja hoje uma realidade.

O projeto Lusofonias não está feito e arrumado; há muito espaço para crescer; na verdade, para o Lusofonias continuar a existir e potencialmente crescer precisamos de mais famílias interessadas e de voluntários.  Fica aqui um apelo a todos os interessados: a equipa do Lusofonias precisa de si!

Sílvia Sabino

IMG_0419

Gosta de passeios na areia, mergulhos no mar, livros e cinema. Portuguesa nascida em Lisboa mas com raizes no Alto Alentejo.

Goretti Corrêa

Goretti Aneta Pieta 1

Brasileira e mora em Edimburgo desde 1994. Vários fatores a motivam a participar do projeto e um dos principais é dar a oportunidade ao seu filho Lucas de aprender mais o português para poder se comunicar com sua família no Brasil.

Eugénia Rodrigues

ER_Lusofonias

A viver em Edimburgo em permanência desde 2010, é investigadora na Universidade de Edimburgo. Portuguesa, aprecia dias cheios de luz e de calor.

Joana Ferrão

Joana

Natural da Figueira da Foz. Vive em Edimburgo desde 2011 e tem um filho de 4 anos, o Alexandre.

Célia Igreja

celia

Natural da cidade de Braga, vive em Edimburgo desde 2008. Adora andar de bicicleta e de dias relaxados na praia.